Suely Carvalho

Parteira Tradicional, Griô, Rezadeira, Curandeira xamânica, leitora de Aura, Mestra da Escola de Aprendizes de Parteira na Tradição, Fundadora do CAIS do Parto, Coordenadora da Rede Nacional de Parteiras Tradicionais do Brasil e Vice-presidente da ALAPAR.

Roda de Casais Grávidos

Todas às terças-feiras o CAIS do Parto atente gestantes e casais para troca de informações e orientação para a gestação saudável e o parto natural, na Rua 13 de Maio, n° 121 - Carmo, em Olinda-PE.

Doulas na Tradição

A formação de Doulas pelo CAIS do Parto/Luz tem base na ancestralidade, oralidade e espiritualidade, que é transmitida pela experiência na Tradição, tendo como objetivo formar acompanhantes de parto que possam proporcionar conforto físico, apoio emocional e holístico durante o trabalho de parto, parto e pós-parto.

Rede Nacional de Parteiras Tradicionais

A Rede Nacional de Parteiras Tradicionais foi criada em 1996, no âmbito da ONG CAIS do Parto, durante o I Encontro de Parteiras Tradicionais, em Nova Jerusalém/PE. Coordenada por Suely Carvalho reúne parteiras em torno das seguintes diretrizes: facilitar a troca de experiências, interligar as parteiras tradicionais, estimular o processo educativo e a organização de classe em associações para lutar pelo reconhecimento e regulamentação do ofício.

CAIS do Parto

Fundada em 5 de julho de 1991, com sede em Olinda/PE, a organização fundamenta-se nos Direitos Humanos, nos Direitos Reprodutivos e no desenvolvimento sustentável, atuando nas áreas de Saúde, Gênero, Cidadania, Educação, Ecologia e Cultura.

sábado, 31 de janeiro de 2015

http://www.funarte.gov.br/danca/cara-da-mae-estreia-no-recife/

‘Cara da Mãe’ estreia no Recife

Espetáculo de dança apresenta poética coreográfica inspirada na jornada da maternidade

Publicado em 19 de janeiro de 2015 Imprimir Aumentar fonte
Cara da Mae – Foto Rogerio Alves
Cara da Mae – Foto Rogerio Alves
Cara da Mãe estreia na quinta, dia 22 de janeiro, às 19h, durante o Festival Janeiro de Grandes Espetáculos 2015, no Recife (PE). Contemplado pelo Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013, é o primeiro trabalho do Coletivo Cênico Tenda Vermelha formado pelas bailarinas / criadoras Ana Luiza Bione, Íris Campos e Janaína Gomes, e tem como mote para a criação cênica as experiências pessoais, mitodológicas e artetnograficas das três artistas da dança. Com dramaturgia, encenação e direção de Luciana Lyra, o espetáculo traz à tona as interfaces da maternidade na contemporaneidade, buscando conexões com o ritual e com a ancestralidade feminina.
A ação coletiva que dá voz à inquietação tanto artística, como pessoal das bailarinas, três jovens mães-artistas, provenientes do curso de Artes Cênicas da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, que, motivadas por Janaína, prestes a parir, tiveram a ideia de condensar as inquietações e indagações de mães diversas numa experiência poética em dança, partindo de uma camada eminentemente singular, o que fomentou a criação do Coletivo Cênico Tenda Vermelha.
Na sexta, dia 23, o espetáculo terá dupla sessão, às 19h e 21h. O ciclo de apresentações se estende aos meses seguintes no Recife e, em Olinda, com uma apresentação, no Cais do Parto, dia 3, às 20h.
Ficha técnica:Bailarinas / criadoras: Ana Luiza Bione, Íris Campos e Janaína Gomes
Dramaturgia, encenação e direção geral: Luciana Lyra
Direção de movimento: Renata Camargo
Trilha sonora: Isaar e Rama Om
Indumentária: Maria Agrelli
Concepção cenográfica: Luciana Lyra e Nara Menezes
Instalação cenográfica: Nara Menezes
Cenotecnia: Nara Menezes, Gustavo Teixeira e Henrique Celibi
Confecção de figurinos: Maria Agrelli e Etiene Rocha
Desenho de luz e operação: Natalie Revorêdo
Registro fotográfico: Rogério Alves
Design gráfico: Zé Barbosa
Produção geral e administração: Karla Martins (Decanter Articulações Culturais)
Produção executiva: Renata Phaelante e Coletivo Cênico Tenda Vermelha
Realização: Coletivo Cênico Tenda Vermelha e Unaluna – Pesquisa e Criação em Arte
Cara da Mãe, espetáculo de dança
Ciclo de apresentações
JANEIRO
Quinta, 22 – Teatro Marco Camarotti, às 19h.
Sexta, 23 – Teatro Marco Camarotti, às 19h e 21h.
Endereço: Rua Treze de Maio, 455, Santo Amaro – Recife (PE)
Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia)
FEVEREIRO
Terça, 3 – Cais do Parto, às 20h.
Endereço: Rua Coronel João Lapa, 136, Varadouro – Olinda (PE)
Entrada gratuita
Sábado, 7 – Centro de Capoeira São Salomão, às 20h.
Endereço: Rua Doutor Correia da Silva 267, Várzea – Recife (PE)
Entrada gratuita
Sábado, 28 – Núcleo Educacional Irmãos Menores de Francisco de Assis - NEIMFA, às 16 horas.
Endereço: Rua Jacaráu, 31, Coque – Recife (PE)
Entrada gratuita
MARÇO
Sábado, 16 – Teatro Marco Camarotti, às 18h.
Domingo, 17 – Teatro Marco Camarotti, às 18h.
Endereço: Rua Treze de Maio, 455, Santo Amaro – Recife (PE)
Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia)
Informações:
81 96195396 / 81 99399500
Este projeto foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013.


Read more: http://www.funarte.gov.br/danca/cara-da-mae-estreia-no-recife/#ixzz3QPZOsAzT
Follow us: funarte on Facebook

Partos na Tradição- Crianças que nascem na Tradição.


Parto na Tradição- Elementos na Tradição


Parteiras Tradicionais e Parteiras na Tradição